Empréstimo Pessoal Aposentados do INSS

Conheça como funciona a modalidade empréstimo consignado para aposentados do INSS

Os beneficiários da Previdência Social têm a sua disposição a modalidade de empréstimo pessoal para aposentados do INSS. Imprevistos podem surgir a qualquer momento e é nessas horas que o empréstimo consignado surge como uma interessante possibilidade.

como-contratar-emprestimo-pessoal-para-aposentados

Os bancos e financeiras oferecem condições especiais para esse tipo de cliente que podem contar com juros bem menores que outros perfis de clientes.

O produto empréstimo pessoal é responsável por movimentar altas somas em dinheiro anualmente e isso ocorre porque as pessoas podem ter acesso a bens e serviços que demorariam anos para serem alcançados.

Aposentados do INSS tem vantagens ao contratar um empréstimo pessoal e se você tem interesse em saber quais são elas, continue lendo este material que preparei especialmente para você.

O que é o empréstimo pessoal para aposentados e pensionistas do INSS

O empréstimo pessoal para aposentados e pensionistas o INSS é um produto de crédito que ao ser contratado efetuará descontos mensais fixos na folha de pagamento do contratante.

Para a financeira ou banco que oferece o crédito, essa modalidade é muito vantajosa, pois o desconto ao ser realizado em folha sugere que não haverá inadimplência por parte do contratante.

Por outro lado, as vantagens para os contratantes também são bastante interessantes e atrativas. Confira quais são as principais delas:

  • Mensalidades com valores fixos;
  • As menores taxas de juros do mercado;
  • Até 72 meses para pagar;
  • Não é necessário fiador porque esse perfil de cliente apresenta baixa possibilidade de inadimplência;
  • Crédito concedido sem consulta aos órgãos de proteção de ao crédito.

Logo que o benefício é creditado na conta pessoal dos aposentados, o banco credita para a empresa de crédito o valor referente ao empréstimo pessoal. Dessa forma não há risco de atrasos e inadimplência por falta de tempo ou imprevistos para efetuar o pagamento mensal.

Diferenças do empréstimo pessoal para aposentados

Para evitar o endividamento dos aposentados ao contratar o empréstimo pessoal, a Previdência Social fixou algumas regras indispensáveis para os bancos seguirem. Uma das mais importantes é que existe uma margem que deve ser respeitada para a contratação do crédito. O aposentado não pode comprometer mais de 35% do seu rendimento mensal com empréstimo consignado.

emprestimo-pessoal-para-aposentados-do-INSS

Isso ocorre porque é estimado que valores de endividamento que superem essa margem farão com que o aposentado entre em um ciclo ao qual dificilmente sairá. Essa regra evita que o benefício contrate muito além do que realmente pode pagar e evita que seu rendimento seja comprometido em uma dívida muito alta e impagável.

Ainda assim, é muito importante que os aposentados sempre façam as contas e observem se o valor de parcela que pretende contratar não causará impactos negativos em suas finanças. Se essa constatação for feita, pode ser melhor reduzir o valor da mensalidade ou deixar o empréstimo para outro momento, afinal serão 5 anos de descontos mensais no pagamento.

Antes de contratar o produto, é fundamental verificar as taxas de juros trabalhadas e orçar em vários bancos a fim de selecionar a mais vantajosa para sua necessidade.

Regras da Previdência Social para o empréstimo pessoal

A Previdência Social criou a normativa de número 28 que direciona e orienta como devem ser as operações de empréstimo pessoal para aposentados e pensionistas do INSS. Se houver interesse consulte o documento na página oficial do INSS que pode ser acessada pelo endereço eletrônico www.INSS.gov.br  e siga o caminho Orientações > Empréstimo consignado.

Abordarei as principais regras presentes na normativa é uma das principais delas diz respeito a taxa de juro máxima que pode ser trabalhada. Atualmente A taxa máxima é de 2.08% ao ano já incluindo todos os custos com a operação de crédito, ou seja, não pode ser cobrado nada além disso.

É importante que o aposentado ou pensionista fique atento ao que diz o contrato para se certificar de que não há cobranças indevidas.

É de responsabilidade do banco ou da financeira informar ao cliente todos os dados da transação inclusive o valor total do empréstimo, taxas de juros mensais e anuais, número total de parcelas, valor total que será pago incluindo juros e demais acréscimos que possam existir.

Para sua segurança o aposentado ou pensionista sempre deve exigir a sua via do contrato do empréstimo pessoal. Quanto ao pagamento do valor contratado existem duas regras, se o benefício foi creditado em conta corrente, o valor do empréstimo será creditado na mesma conta.

vantagens-do-emprestimo-pessoal-para-aposentados-do-INSS

Porém, se o beneficiário é pago com cartão magnético, o valor do empréstimo poderá ser pago por ordem de pagamento ou em alguma conta de sua titularidade sendo vedado o pagamento em conta de terceiros.

Junto ao boleto para pagamento deve conter um documento informando o beneficiário o valor do desconto pelo pagamento antecipado, valor líquido restante a pagar e quantidade de parcelas. A modalidade empréstimo pessoal para aposentados pode ser desbloqueado a qualquer momento pelo segurado do INSS que deseja contratar esse produto.

    1. Ivan de Morais Sousa

    Deixe seu comentário!