Pensão por Morte INSS

Instituto nacional de seguro social

Perder uma pessoa próxima pode trazer vários transtornos, tanto emocionais quanto econômicos. Quando a pessoa que veio a falecer era o provedor ou provedora da família o transtorno costuma ser maior. Se você está em busca de mais informações sobre a pensão por morte do INSS nós te ajudaremos com as informações. Abaixo você terá todas as informações necessárias e ficará sabendo se também tem direito. A pensão por morte é um beneficio do INSS que é pago aos dependentes do segurado. Pois a pessoa que veio a falecer pode, muitas vezes, ser a pessoa que prove a família. Nesse caso entenda melhor sobre a pensão e quais os requisitos para a mesma.

O INSS foi criado em 1990 pela fusão de duas instituições publicas. Desde então acompanha diversos brasileiros sejam eles trabalhadores ou segurados. Os benefícios que é de responsabilidade da instituição são vários, como o salario maternidade, auxilio doença, pensão por morte entre outros. Mas também há o desconto no salario do trabalhador de carteira assinada que é de responsabilidade do INSS. Esse desconto te deixa assegurado, capaz de receber os benefícios caso algo ocorra. Mas também dará a oportunidade de se aposentar mais tarde. Abaixo falaremos um pouco mais sobre o beneficio da pensão por morte. Informaremos quais os requisitos e como solicitar o beneficio.

pensao-por-morte-inss

Pensão por morte

Como dito acima a pensão por morte é oferecida aos dependentes de pessoas seguradas. No caso o segurado pode ter falecido ou desaparecido. No segundo caso é necessário ter a morte do mesmo declarada judicialmente. Abaixo falaremos dos principais requisitos para ter acesso ao beneficio do INSS.

Para os dependentes terem acesso a pensão por morte do INSS, como dito acima, segurado tem que estar falecido ou desaparecido. Na data do óbito é necessário que o falecido esteja na qualidade de segurado do INSS. A duração do beneficio pode varias de acordo com a quantidade de contribuição feita pelo segurado e outros fatores, vamos entender melhor.

A duração do beneficio tem validade máxima de acordo com a idade do beneficiário. O beneficiário pode ser conjugue, companheiro, conjugue divorciado ou separado judicialmente, ou receber pensão alimentícia. Nesse caso, se o óbito ocorrer sem o falecido ter realizado dezoito contribuições mensais a previdência ou se o casamento ou união estável iniciou em menos de dois anos antes, o beneficiário receberá durante quatro meses.

E a duração irá depender da idade do beneficiário caso na data do óbito o falecido tiver contribuído com mais de dezoito meses, iniciou o casamento ou união a menos de dois anos antes do falecimento ou se o óbito ocorrer de causa natural. Nesse ultimo caso será independente o tempo de união ou de contribuição.

Se o beneficiário for o filho do falecido, este receberá até os vinte e um anos o valor. Exceto em caso de invalidez ou deficiência. Abaixo explicaremos como você pode entrar com a solicitação pelo INSS do beneficio.

pensao-por-morte

Solicitando a pensão por morte

Se você se enquadra nos requisitos acima para receber a pensão pós morte, agora te ajudaremos com a solicitação. Para realizar a solicitação você precisará se dirigir a uma agencia do INSS. Mas antes de ir é necessário você realizar o agendamento e conferir se todos os documentos estão em mãos.

Para realizar o agendamento do atendimento na agencia do INSS você irá precisar acessar o site do mesmo. Quando estiver com a pagina aberta procure pela pagina do beneficio de pensão por morte. Por essa pagina você terá essas e muitas outras informações. Além da possibilidade de agendar seu atendimento. Logo em cima você verá o botão para agendar. Basta clicar nele e informar os dados que serão solicitados. Após o agendamento vamos para os documentos que você irá precisar para o atendimento e a solicitação.

Os documentos que você irá precisar levar para o atendimento é o documento de identificação com foto e o numero de CPF, original. Precisará também da certidão de óbito do falecido e o documento de identificação do falecido. Você irá precisar levar documentos que comprovem que faz parte dos critérios como dependentes, documentos de comprovação do tempo de contribuição e em caso de morte no trabalho uma comunicação de acidente no trabalho. Todos esses documentos você poderá emitir no site do INSS.

Acima você viu o que é e como funciona o beneficio do INSS de pensão por morte. Viu também quem tem direito e como fazer para solicitar o mesmo. Para maiores informações sobre o beneficio ou caso ficou com alguma duvida entre em contato com o INSS. O numero de telefone é 135 e funciona de segunda a sexta em horário comercial. Você também terá maiores informações no site do INSS na opção pensão por morte. Também poderá emitir alguns dos documentos necessários por lá.

inss-pensao-por-morte